• Toca

Somos todos equilibristas

Atualizado: 27 de Mar de 2020

Desde pequenos nós vamos preenchendo o nosso tempo livre com atividades extras, cursos, preenchendo nossa agenda e vamos sendo convidados a ir tentando dar conta de tudo.


Na infância damos conta da escola, lição de casa, aulas extras, festas infantis, curso de férias, acampamentos, viagens, festival do judô, campeonato de futebol, apresentação do balé... Na adolescência: escola, provas, trabalhos, amigos, namorados, festas, cursinho, vestibulares, aulas extras, aulas de idiomas. E essa lista só aumenta na idade adulta: faculdade, estágio, pós-graduação, mestrado, doutorado, especializações, estágios, trabalho. Além da família, casa, filhos, amigos, lazer, viagens e dos hobbies. Crescemos ouvindo falar da importância do equilíbrio. E vivemos tentando aplicá-lo no nosso dia-a-dia. Alguns conseguem muitos, não. 


Para atingir o equilíbrio, primeiro, é preciso retirar-se da multidão, olhar para sua própria vida e discriminar o que para você importa dentro do quê você tem que dar conta. Depois, priorizar e, por fim, fatiar o tempo e fazer caber tudo. Tarefa árdua, diária, mas necessária, ajudando a integrar a vida profissional e pessoal de maneira mais equilibrada.



0 visualização0 comentário

Posts recentes

Ver tudo