• Toca

O dia em que me perdi de mim

Atualizado: 27 de Mar de 2020

"Sempre fui um sonhador… Sempre acreditei e lutei pelos meus ideais, sempre tive coragem.  Mas um dia me perdi dentro de mim mesmo.


Questiono o que me aconteceu. Se foi o rolo compressor chamado vida e seus inúmeros compromissos. Se foi a família e/ou o trabalho, ocupando um lugar maior do que o previsto. Se deixei de sonhar.


Onde foi parar aquela espontaneidade e a alegria de viver? Onde eu fui parar no meio de tudo isso? Por que deixei de lado tantas coisas que eu gostava de fazer, sem perceber que estavam me deixando?


Sinto que preciso de uma pausa. Rever minhas prioridades, me olhar, me acolher e me escutar. Deixei de me cuidar e, também, de permitir que os outros cuidassem de mim.


Preciso rever minha rota: de onde saí, por onde já estive e para onde quero ir. Perceber o que abandonei pelo caminho e quero resgatar. E, ao mesmo tempo, o que eu quero (ou preciso) abrir mão, antes de continuar.


Vou ali me procurar e já volto. Afinal, me perceber perdido foi o primeiro passo para me reencontrar. Até logo mais. Estou fechado para balanço!"



1 visualização0 comentário

Posts recentes

Ver tudo